CUIDADOS COM SEU
FILHOTE
 FIZEMOS ESTA PAGINA  DEDICADA AOS CRIADORES QUE
ACABAM DE ADQUIRIR UM CÃO DA RACA FILA BRASILEIRO.
       O CANIL  ITANHANDU DESEJA-LHES BOA SORTE!
O primeiro contato:
Normalmente, na primeira noite, o seu cao pode latir, fazendo-se ouvir
por quase toda a noite. Para evitar isso leve para casa um pedaco de
pano do canil de onde ele veio e forre o local em que ele permanecer
durante a noite. O cheiro de sua mae e de seus irmaos impregnados
neste pano fará com que tenha a impressão de sua  presença
naquele momento, o que dará tranqüilidade ao animal. Não
se esqueça dos utensílios basicos como vasilhas de água e
comida de acordo com a idade do filhote. De preferência àquele
alimento com o qual ele ja estiver acostumado.
Local para dormir:
Procure deixar seu cão em um lugar de fácil limpeza e que ele
possa ficar bem aquecido. Não deixe de ligar lâmpadas
próximas do chão em dias mais frios. Evite corrente de ar.
Alimentação:
Eduque o seu cão a comer em horários certos. Retire a vasilha
assim que ele acabar de comer e a mantenha bem limpa. Restos de
comida azedam e podem dar sérias complicações como
diarréia.Restos de comidas caseira também podem ser
prejudiciaisà  saúde de seu cão, pois podem não suprir as
exigencias nutricionais de sais minerais, vitaminas e proteínas que
ele precisa.Além disso seu cão poderá rejeitar a ração se
acostumado com comida caseira.
No primeiro mes você pode introduzir a ração misturando um
pouco de  leite para que ele coma melhor. Alimentar 4 vezes ao dia.
No segundo mês vá introduzindo ração seca, porém
continue dado leite pois o fila nescessita de muito cálcio. Do segundo
ao sexto mês alimentar 3 vezes ao dia.
Após o sexto mês alimentar 2 vezes ao dia.
Nunca deixe seu Fila alimentar apenas uma vez ao dia, pois e´muito
comum na raça a torção do estômago.
Deixe sempre água fresca e limpa para seu filhote.
Vacinas:
Observe corretamente o calendario de vacinaçao de seu filhote,
evitando assim doenças que poderao ser fatais.
A partir dos 30 dias de vida seu filhote deverá ser vacinado contra
parvovirose, coronavirose, cinomose, leptospirose, hepatite,
parainfluenza e raiva. Seguir orientação de seu veterinário.
Verminoses:
È importante que o filhote seja vermifugado a partir dos 15 dias de
vida, pois as verminoses, além de serem fatais, podem trazer
sérios riscos aos seres humanos. Uma boa vermifugação evita
muitas vezes a morte do filhote. Ouvir previamente a opinião de seu
veterinário.

LEMBRE-SE: SEU FILHOTE DEVE SER TRATADO COM CARINHO.